dest-tcw_ara

Arapongas empata com o Toledo fora de casa!

Nosso Arapongão conseguiu um grande resultado jogando contra o Toledo fora de casa! Com um empate em 2×2, a equipe fica em 2º lugar na tabela de classificação com 7 pontos. O Toledo é o terceiro com os mesmos 7 pontos, mas perde no saldo de gols (3×1 para o Arapongas).

Jogando mal no primeiro tempo, os comandados de Gilberto Papagaio tiveram sua melhor oportunidade com Vinícius aos 16 minutos, após bom passe de Ruy… O Toledo por sua vez tinha quase 70% de posse de bola, mas por mais que “dominasse” o jogo, não conseguia converter em gols. Tanto é que o goleiro Édson quase não trabalhou no primeiro tempo.  Contudo, as melhores oportunidades do “porco” foram com Cairo que cabeceou sozinho após cruzamento de André, mas felizmente a bola vai para cima do gol de Édson e com uma boa falta cobrada por Diego Luiz aos 37 minutos, onde a bola passa perigosamente perto do gol araponguense.

No começo do segundo tempo, Papagaio mudou o time, entrando Jean no lugar de Humberto que recebera um cartão amarelo na primeira etapa.

O jogo continuava com as mesmas deficiências técnicas do primeiro tempo. Até que em uma falta a favor do time local, Raí aproveita o bate-rebate da zaga araponguense e faz 1×0 para os donos da casa.  Não demorou mais que 5 minutos, e Raí novamente faria 2×0 para o Toledo após cruzamento de André Luiz.

Com o Arapongas precisando do resultado – afinal uma derrota comprometeria bastante a permanência na série A do estadual – o técnico Gilberto Papagaio fez mais duas alterações: sai Biel e Alessandro Lopes, entram Diego Silva e Rafael Mineiro. Com as alterações, a equipe se abriu e na pressão contra o Toledo, Rafael Mineiro faz o primeiro gol araponguense aos 27 minutos.

Após o gol, o Arapongas se lançou todo ao ataque e pressionava o Toledo de todas as formas possíveis. Aos 42 minutos, Diego Silva em grande jogada passa para o artilheiro Vinícius que empurra a bola para a rede dando números finais ao jogo.

Com a vitória do Operário, o time de Ponta Grossa chega aos 9 pontos. Arapongas e Toledo têm 7 pontos e o Cianorte, já rebaixado, não marcou nenhum ponto.

As equipes assim jogaram:

ARAPONGAS: Édson; Murilo, Alessandro Lopes (Rafael Mineiro) e Humberto (Jean); Biel (Diego Silva), Sorato, Maicon, Ruy e Alexandre; Gabriel Pimba e Vinícius. Técnico: Gilberto Papagaio.

TOLEDO: Giovani; Maicon, Glauco, Duda e Samuel; Marcão, André Luiz, Diego Luiz e Casado; Raí (Tcharlles) e Cairo. Técnico: Richard Malka.

DestaqueTOLxARA

Arapongas joga em Toledo buscando pontos

Toledo e Arapongas voltam a se enfrentar pelo torneio da morte neste Domingo às 16h00m no Estádio XIV de Dezembro, em Toledo.

A partida é de extrema importância para as equipes em busca da permanência na primeira divisão do Estadual no próximo ano, uma vez que os times, bem como o Operário de Ponta Grossa, têm 6 pontos ganhos e dividem a liderança do torneio. Quem perder, dependendo do resultado entre Cianorte x Operário, ficará em uma situação delicadíssima para se manter na elite.

Destaque-Ara_Tol1

Vale lembrar que na última quarta-feira, o Arapongão venceu o Toledo por 2×1 jogando no Estádio José Chiappin, em um grande jogo de futebol. (Aliás, que sufocoooooooo no final da partida!) Continue lendo

ara-tol-ara

No sofrimento, Arapongão bate o Toledo e vira líder

Como escrevemos: Que sofrido. Que luta. Que sufoco. Que jogo… Que torneio da morte! Grande vitória do Arapongão.

Arapongas e Toledo fizeram um grande jogo de futebol na noite desta quarta-feira dia 26, partida esta vencida pelo Arapongão por 2×1. Sofrimento, luta, técnica, raça, enfim… tudo isso nós tivemos neste jogo.

Mesmo jogando fora de casa, o Toledo nada parecia o mesmo que fez uma pífia campanha na primeira fase do estadual: jogou aberto, marcava bem e teve a primeira boa chance de gol com Robson Goiano em cobrança de falta na entrada da área.  Contudo o Arapongão que também marcava e atacava bem respondeu em grande jogada de Ruy, que chutou a e bola cuidadosamente bate na trave. Com o Arapongas levemente melhor que o Toledo, as chances surgiam praticamente uma atrás da outra e consequentemente parecia que o gol araponguense estava perto de sair. Continue lendo

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.036 outros seguidores